• GM Rhaekyrion

Um Escritor Precisa de uma Rotina?

Atualizado: 15 de Set de 2020

Meu querido Jarbas, olha eu aqui de novo. Com saudades? Espero que sim, porque agora vamos entrar nos capítulos que de fato falam sobre a minha vida de escritor e todas as adversidades que a envolve.


Lembram do concurso literário e das aulas de escrita criativa? Se ainda não leram esse capítulo, aconselho que clique no Diário do Escritor e confiram os passos anteriores da minha trajetória. Agora falaremos de assuntos mais densos e é fundamental que entenda como cheguei aqui.


Voltando. Estava descobrindo uma nova vida. Vale ressaltar que não tinha emprego, nem de onde tirar dinheiro. Buscava algo que me desse renda e enquanto isso não acontecia me dedicava a estudar as aulas da plataforma.


Foi uma época bem difícil, porque desejava me publicar o quanto antes, para que a venda me desse dinheiro e não tinha a menor noção de que isso demanda muito tempo e exigiria uma dedicação muito diferente da que estava tendo.


Enfrentei muitas barreiras sociais, pessoas me enfiando outros objetivos, me criticando, duvidando que esse caminho é rentável. Foram barreiras árduas, duras, mas que me fizeram endurecer e persistir.


Assiduidade, compromisso, foco, disciplina e determinação guiam um Escritor

Um escritor precisa de uma rotina? (Foto: medium)

Basicamente a minha rotina se resumia em acordar cedo, ir a academia, arrumar a casa, partir para o estágio final do meu TCC e escrever meu livro todo o tempo restante. Qualquer brecha era a hora de montar personagem, engajar enredo e elaborar contos.


Nesse período resolvi reviver um antigo blog, que se chamava Sonhos de Dragão , firmando uma parceria com uma amiga querida, onde escreveríamos contos semanais para serem postados na plataforma.


Na época tinha começado a estudar programação, pensando em usar essa carreira para ganhar dinheiro como freelancer e usei do que aprendia para montar o designer do blog. Desejava criar nome com os contos, notoriedade e usar a página como um portifólio para projetos de programação.


Sendo assim, comecei a dividir meu dia em horários de dedicação, onde reservada um período para escrever meu livro e me dedicar a produzi-lo. Não importava se estava inspirada ou não, eu me sentava diante da tela e me forçava a criar.


A cobrança por dinheiro pode prejudicar a produção


No começo me obrigava a espremer a cabeça para elaborar o roteiro e as fichas de personagens, que serviram como norte e me deram uma organização ímpar para montar o livro. Esse foi o ensinamento mais precioso do curso e que carrego até hoje. Se quiser saber mais Dicas de Escrita, só acessar o link.


Mas a pressão de ganhar dinheiro acabou me levando a ansiedade de terminar o livro depressa, prejudicando o andamento da história, causando uma confusão, que me renderam livros inteiros jogados no lixo.


Então, para quem pensa que escritor só trabalha quando vem a inspiração está totalmente enganado. Exige um processo de adaptação e esforço que são desafiadores e os divisores de águas de quem está comprometido com a carreira e quem não está.


Além disso, se você não veio de uma família rica, ou não tem como se sustentar com a escrita agora, aconselho a se manter ou ter um emprego que vá pagar suas contas, enquanto a sua carreira de escritor está crescendo.


O estresse e as cobranças financeiras eram meus principais inimigos e atrapalhavam minha dedicação e a qualidade da minha produção. Quando consegui um emprego, pude ter tranquilidade psicológica, apesar do tempo curto.


Quando me acostumei com a minha rotina e parei de dar ouvidos aos que terceiros falavam, as coisas começaram a melhorar. Como gostaria de voltar no tempo e dizer ao meu eu do passado que tudo vai ficar bem e que iria achar um emprego bom de verdade.


Mas viagens no tempo são confusas e acho que se não fosse pelo caminho que trilhei, não teria a maturidade de agora. A rotina me ajudou a ter assiduidade e compromisso. Ao encarar a vida de escritor como um emprego tal qual os demais, pude me sustentar a romper a estigma de que um escritor espera pela inspiração e a ter responsabilidade comigo mesma.


Por hoje ficamos por aqui. Falei demais!


Beijos de Fogo.

Posts recentes

Ver tudo

RECEBA AS NOVIDADES

  • Black Facebook Icon
  • Black Instagram Icon
  • Twitter
  • Pinterest

© 2020, criado e editado por Clara Ciríaco.

livros, escritores, dicas de escrita e escrita criativa