• GM Rhaekyrion

O Sonho Mais Lindo: Tarde de Autógrafos

Querido Jarbas, nosso quadro sofrerá uma mudança, mas nada drástico, pode se acalmar. Tudo por causa da minha obsessão em criar cronogramas e venho aprendendo que existem coisas que precisam ser vividas no impulso.


Sabendo disso, desfiz qualquer planejamento para o Diário do Escritor e resolvi, em uma madrugada, assistindo pela enésima vez Doutor Estranho, relembrar o dia mais lindo da minha vida e o marco mais incrível de 2020: a Tarde de Autógrafos.


Possivelmente vou chorar, talvez pare no meio desse escrito, mas concluirei seguindo meu coração.


Um Sonho para Chamar de Meu


O Sonho Mais Lindo: Tarde de Autógrafos

Talvez estejam cansados de saber que larguei tudo para viver de escrever, mesmo não sendo uma ricaça, que se dedica aos escritos enquanto o dinheiro investido cuida de render sozinho.


Acontece que abandonei o que acreditava ser meu sonho sem ter ideia de que escrever o era. Apenas sai daquela vida doentia, cheia de abusos, para tentar qualquer coisa que não me levasse de volta àquele inferno.


Ser escritora sempre esteve dentro de mim, desde os 13, quando iniciei as fanfics, e muito antes de entender que escrever era meu destino.


Queria viver aventuras, me inserir nesse glamur da vida de uma mente conhecida por suas criações, dar entrevistas em eventos geeke. Pareço uma louca? Talvez seja, mas aprendi que os sonhos são reais.


Obviamente não sou famosa, mas vivi meu dia de “fama” em uma tarde de autógrafos linda.


Posso dizer que tenho um sonho para chamar de meu.


Livros e Autógrafos Entre Suspiros


O Sonho Mais Lindo: Tarde de Autógrafos

Comecei os agradecimentos do Mar dos Lamentos dizendo que não saberia como agradecer esse momento, depois, falo que nenhum sonho conseguiria representar o quão lindo foi ver meu primeiro bebê literário nascer e viver a tarde de autógrafos.


Estamos em uma pandemia, ainda em 2020, no último mês do ano, quando a data foi marcada. Minha família e amigos se uniram para ajudar nos detalhes e preparativos, porque é preciso pensar nesses detalhes do evento, e juntos fizemos acontecer.


Meus pais são os grandes responsáveis por tudo isso, por terem feito esse dia eterno. Pois, se já não bastasse, dei entrevista para o jornal da minha cidade, sai nos jornais e tudo no mesmo dia.


Entrei em um estado de ansiedade festiva, mal consegui dormir durante a semana, respondendo jornalistas, falando com blogueiros, entregando livros para influenciadores. É tudo muito surreal, posso garantir, e acontece rápido demais.


Cada novidade, livro encomendado, pedido para reservar, via minha obra ganhando o mundo e a sensação é tal qual as mães devem se sentir ao ver seus filhos iram ao primeiro dia de aula.


Jamais saberei descrever em palavras simples como é autografar os primeiros exemplares.


Treinando Assinaturas Incansavelmente


O Sonho Mais Lindo: Tarde de Autógrafos

Logo no começo do ano, lá em abril ou março, entrei em diversos grupos de escrita e leitura, só colocar minha cara no mundo e iniciar uma audiência.


Nesse tempo encontrei pessoas incríveis e uma delas me perguntou uma vez: “você já treinou seu autógrafo?”. Nunca pensei nesse detalhe do processo, em como iria autografar meus primeiros exemplares.


Talvez o fato de acreditar que o dia em que seguraria meu livro estaria mais do longe do que imaginei. Essa é a verdade. Sempre acreditei, mas pensei que levaria anos até essa data.


Como disse lá em cima, as coisas aconteceram na velocidade de um furacão. Em menos de uma semana estava autografando e mal sabia como lidar com a minha letra pequenina e infantil, quando imaginava grafias bem elaboradas, tal qual as cartas medievais.


É mágico, posso garantir, mesmo com todos os detalhes sórdidos, é unicamente mágico.


Atravessando Barreiras Impensáveis


O Sonho Mais Lindo: Tarde de Autógrafos

Vou só citar uma coisinha, bem rápida. Moro em uma cidade pequena, apesar de ser a capital do meu estado, e por aqui a cultura é simplesmente renegada.


Sofri uma forte rejeição na minha cidade, até de pessoas dentro do meio literário. Tudo por causa das “panelinhas” formadas.


Então, se você pensou que eu bati recordes de vendas e recebi milhares de leitores, não foi bem isso que aconteceu.


Minha família e amigos encheram a sala, trocando abraços e falando sobre literatura. A sensação era de ser uma debutante, mas muito mais intenso que apenas completar quinze ou dezesseis anos.


Acredito que um dia encontrarei meus leitores, conhecerei meus fãs, como almejo conhecer os escritores que admiro, mas não foi isso que aconteceu no dia do lançamento de Mar dos Lamentos.


Foi ruim por causa disso? JAMAIS! Não poderia ter sido melhor. Se pudesse parar o tempo, queria de pausado naquele dia, queria reviver as horas do dia dez de dezembro de 2020 por incontáveis vezes.


Gosto de dizer que Mar dos Lamentos é a prova de que os sonhos existem, são reais e possíveis. Rentáveis também!


Quando recebi àquelas pessoas, mesmo parte do meu núcleo afetivo, sorrindo e orgulhosas, senti o tamanho do que conquistei e o quanto tenho em quem me apoiar.


Quero deixar essa mensagem: acredite nos seus sonhos, mesmo sendo a única pessoa a tal. Pois só você o viverá, ninguém mais.

Agora me despeço, que já chorei demais por aqui.


Beijos de Fogo.

Se ainda não me conhece de verdade, venha descobrir meus passos no mundo da escrita no Diário do Escritor.


Resenhas de livros incríveis? Então venha para a Estante Literária Rhaekyrion conferir as indicações.


Conheça Escritores Nacionais e suas histórias inspiradoras.


Dicas de Escrita da prática, para valer e de forma didática só se vê por aqui.

12 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

RECEBA AS NOVIDADES

  • Black Facebook Icon
  • Black Instagram Icon
  • Twitter
  • Pinterest

© 2020, criado e editado por Clara Ciríaco.

livros, escritores, dicas de escrita e escrita criativa