• GM Rhaekyrion

O Marketing Digital é o Amor e o Ódio de um Escritor Independente

Querido Jarbas, atualmente, o escritor independente vem ganhando força no Mercado Editorial. Confesso que a ideia de conduzir minha carreira na escrita conforme achava melhor foi conquistando um espaço significativo no coração.


Sendo assim, percebi que o perfil de autônoma se encaixa melhor em minha vida. Porém, para isso, precisava de capital para investir e lidar com todos os trabalhos que envolvem a produção e publicação de um livro sozinha.


Foi nesse bolo de incerteza que me deparei com o marketing digital, o literal de fato, o que vai me deixar louca algum dia, mas que é necessário para qualquer escritor que deseje fazer um sucesso sólido e gradativo.


Antes de relatar como foi a minha experiência nesse mundo, vou levantar um importante questionamento.


O Escritor de Sucesso Sabe Usar o Marketing Digital


livro, escritor, marketing digital
O Marketing Digital é o Amor e o Ódio de um Escritor Independente (Foto: Lukas no Pexels)

Não é recente o fato de que as editoras, principalmente as menores e as menos tradicionais, tenham jogado para o autor o trabalho de divulgação. A maioria das editoras buscam escritores que já tenham um bom público, seja nas redes sociais ou em plataformas de leitura.


Então, o que era difícil, já se tornou ainda mais trabalhoso. Mesmo que você tenha um bom contrato, todo o encargo de marketing é por sua conta. Ou seja, você terá que ser vendedor e saber convencer seus futuros leitores a lerem seu livro.


Dessa forma, comecei a pensar da seguinte maneira: se eu faço um bom trabalho de marketing digital, conquisto um forte público, sendo uma influencer, não precisarei me preocupar com vendas, pois elas serão a consequência do meu reconhecimento público. Além disso, a oportunidade de patrocínios se torna mais acessível.


Faz ou não sentido para vocês? Porque para mim fez todo o sentido e foi por essa razão que resolvi estudar marketing digital. Comecei buscando estratégias em blogs e depois fui para cursos gratuitos e recentemente fiz um intensivo pago, para melhorar meu posicionamento.


Posso garantir a vocês que valeu muito a pena. Meu alcance aumentou drasticamente e consegui sair da bolha de amigos, para chegar em leitores de verdade, que me conheceram através do meu trabalho.


Relutei no Uso das Redes Sociais e Perdi Feio


livro, escritor, marketing digital
O Marketing Digital é o Amor e o Ódio de um Escritor Independente (Foto:Pexels)

Costumo dizer que todo escritor que se prese, precisa ter uma rede social bacana, com profissionalismo e um perfil de marca. Excluindo os termos técnicos, a profissão de artista e autônomo exige que tenhamos uma apresentação muito boa nas mídias sociais.


Confesso que relutei, pois nunca gostei de ficar dependente de um celular, precisando publicar diariamente. Quem acompanha meu Instagram sabe que perdi feio essa luta e hoje agradeço por ter me rendido.


Primeiro pelo fato de ter conhecido pessoas incríveis, que hoje fazem parceria comigo e que me deram a chance de crescer forte na carreira.


Segundo fato: encontrar leitores fora do meu ciclo de amizade, que vieram opinar sobre meus textos sem me conhecerem. Esse tipo de feedback é impagável. É a recompensa ideal, posso garantir.


As Redes Sociais São Ferramentas Importantes para um Escritor Independente


livro, escritor, marketing digital
O Marketing Digital é o Amor e o Ódio de um Escritor Independente (Foto: Min An no Pexels)

Encarar o uso das redes sociais e do marketing digital como uma ferramenta, me ajudou a vencer certas barreiras pessoais.


Acredito que naturalmente somos condicionados a nos manter nas nossas zonas de conforto e por essa razão lidamos com o novo com aversão. É normal, já que nosso cérebro tende a ser preguiçoso.


Para superar as barreiras que criei, mentalizei: aprender sobre marketing digital me dará liberdade profissional. Sempre pensei que quanto menos depender de serviços de terceiros, mais livre seria para seguir a carreira da forma que desejo.


Porque, no final das contas, se você for influente e tiver dinheiro, as coisas acontecem mais rápido e mais fácil. Então, ignorei as amarras e coloquei a mão na massa. Não me arrependi, só colhi frutos positivos.


Dito isso, me despeço. Espero não ter sido tão extensa nesse relato.


Agora, fiquei curiosa. Você que é autônomo ou artista, principalmente escritor, também passou por isso? Conta nos comentários a sua experiência!


Até a Próxima!


Beijos de Fogo.

livro, marketing digital, escritor
O Marketing Digital é o Amor e o Ódio de um Escritor Independente (Foto: GMRhaekyrion)

Gostaria de saber como lidar com essas barreiras emocionais, procrastinação e autossabotagem? Clica aqui e assista ao vídeo.


Quer receber os conteúdos exclusivos em primeira mão e as novidades da nova publicação literária? Então se inscreva no blog!


Se ainda não leu o primeiro capítulo do meu Diário do Escritor, basta clicar aqui e descobrir como entrei no mundo da escrita.


Se você é um escritor iniciante e não sabe por onde começar, vem conferir as Dicas de Escrita da Dragão Tennar.

Amante de uma boa barganha literária? Economize seu ouro na tenda Amazon e garanta seus exemplares novinhos. Magos, feiticeiros e bruxos podem renovar seu estoque de conhecimento sem esvaziar os bolsos.

Posts recentes

Ver tudo