• GM Rhaekyrion

Desafio Literário Um Conto Por Mês Amazon

Acredito que estou um pouco distante desse meu querido Jarbas, faz tempo que não o perturbo. A última vez foi quando falei sobre a minha crise de Escritora Perdida na Ideia de Ser Influencer.


Então, já passou da hora de revelar o que aconteceu desde esse dia até agora.


Inventei de me amarrar em um desafio, mas não foi qualquer desafio de escrita, foi uma verdadeira paulada na minha rotina e confesso que não esperava viver tanta coisa.


Desafio Literário Um Conto Por Mês Amazon
Desafio Literário Um Conto Por Mês Amazon

Como Nasceu o Desafio de 1 Conto Por Mês?


Tudo começou com a questão de que precisava sair dessa produtividade de redes sociais para realmente escrever meus livros.


O mundo atual, principalmente pós-pandemia, levou-nos às mídias digitais em uma velocidade e pressão avassaladora.


Infoproduto é a moda do momento e ser influencer virou uma pré-requisito. Nessa jornada digital acabei caindo em uma pilha de ansiedade tão absurda, que precisei iniciar uma terapia.


Antes disso, decidi transformar meu cérebro de “produtora de conteúdo” em “produtora de histórias”. Mas, Gabi, você não é escritora? Sou! E estava me perdendo, pois escrever histórias era a última coisa que fazia no meu dia.


Então, me coloquei esse desafio. Confesso que me surpreendi com os resultados que venho colhendo.


Qual foi o Impacto do Desafio?


Primeiramente, quero deixar registrado o meu mais profundo conselho em seguir algo parecido. É revigorante se colocar em obstáculos para superar.


Então, já viu que isso transformou a minha carreira em determinado grau. Seguindo o baile, o primeiro contato que tive com o conto de março foi um susto dos bons.


Tanto pelo fato de ter publicado pela Amazon pela primeira vez, quanto pela energia de pré-publicação ter acontecido tudo comigo.


Foi uma experiência que me fez entender o quanto ser Escritora Independente é um atrativo mais hipnotizante que as publicações por editoras.


O ensinamento: obtive uma experiência nova de publicação.


Como Está Sendo o Processo Criativo?


Abandonei meu romance? De forma alguma. Está sendo tranquilo conciliar com as revisões do romance? Não mesmo!


Ano passado eu disse que escrevi dois livros, esse ano eu terminarei escrevendo, talvez, quatro (dois de clientes e dois meus).


Ficou maluca? Como vai lidar com a produção? Esse é o ponto em que quero chegar. A questão do processo criativo, o uso da sua capacidade de criar para a produção de tantas obras está sendo, de fato, bem cansativo.


Como passo a maior parte do tempo buscando ideias para histórias, postagens (porque não abandonei as redes sociais e nem esse meu blog lindo) e estratégias de vendas, acabo me sentindo exausta mentalmente.


Vou desistir de tudo? Não mesmo. Preciso me cobrar para terminar o ano com 10 contos publicados? De forma alguma!


A ideia dos desafios é justamente te levar a um platô de esforço o qual te entregará uma experiência e vivência que a sua zona atual não permite. Os desafios servem para sairmos da zona de conforto e sempre que nos permitimos viver novas experiências, adquirimos uma habilidade, maturidade ou ensinamento que outrora não existia.


Continuo recomendando super que você se permita viver algo assim.


Quais São Os Contos Publicados?


Já que estava em um desafio, então embalei em explorar os Gêneros Narrativos fora da fantasia medieval, que é a minha zona de conforto.


Sendo assim, o primeiro conto foi um resgate de uma história que escrevi com a minha esposa há uns anos. Foi um enredo nascido da influência de Stephen King e o conto O Nevoeiro. Portanto, uma ficção científica.


Mas não queria que fosse o habitual, então a transformei em uma baixa fantasia, que se passa aqui na minha cidade e um toque de alienígena na história. Esse é o Na Capela de Santa Bárbara.


O segundo também foi um resgate dos primórdios da minha vida de escritora, a segunda personagem original que criei e que me levou a um estado de nostalgia sem igual.


Ambientado em uma alta fantasia urbana, cheia de mutantes e um drama com dependência química. Vício foi um bebê muito queridinho.


Esses foram os dois nascidos e vai vir mais um, que cairá em uma fantasia épica no mesmo universo abordado em Mar dos Lamentos. Alta fantasia? Com certeza. E a personagem principal? Uma que você não vai esquecer nunca mais. Gruda aqui para não perder as novidades.


Quais os Ensinamentos Adquiridos?


O primeiro deles é que preciso me dedicar mais às minhas histórias e que isso é mais gratificante do que viver de postagens em redes sociais.


O segundo é sobre as publicações na Amazon, o que aprendi me publicando independente foi renovador e me deu mais confiança para seguir a jornada e construir estratégias de publicação para o meu romance.


O terceiro foi o contato mais imediato com o leitor digital, é muito divertido quando alguém vem falar as impressões que teve sobre a história. Com Mar dos Lamentos isso aconteceu, mas foi diferente, um público diferente.


Agora, deixo as sinopses de cada conto disponível e o link de acesso para você adquirir o seu.


Na Capela de Santa Bárbara


Desafio Literário Um Conto Por Mês Amazon
Desafio Literário Um Conto Por Mês Amazon

Uma saudade ardida, um desejo desesperador e uma ameaça que vem do espaço. Com a vida em perigo, Mahara buscará forças para encontrar sua família, custe o que custar.


Vício:



“Alfa V,


Um dos nossos está correndo um grande perigo e é alguém muito especial. Desvios podem acontecer, principalmente na condição e idade de vocês, mas não devemos dar razão às dúvidas.


Faço uma ordem de busca para Alfa X.


A recompensa especial você já sabe.


Com carinho,


B.”


Pétala leu as letras bem desenhadas daquele bilhete mais uma vez, acendeu o isqueiro e se desfez das provas com fogo.


— Considere o serviço feito.


Adquira o seu clicando aqui!


Beijos de Fogo.

16 visualizações2 comentários

Posts recentes

Ver tudo